Quinta, 19 de Maio de 2022
24°

Poucas nuvens

Cabedelo - PB

Policial ALERTA

Universitária faz alerta após ter Instagram hackeado e usado para aplicar golpes em Patos

Os golpes desse tipo estão cada vez mais frequentes

18/01/2022 às 16h04
Por: Redação RepercutePB Fonte: RepercutePB/Josivan Antero
Compartilhe:
Universitária faz alerta após ter Instagram hackeado e usado para aplicar golpes em Patos

A universitária Juliana Almeida teve sua conta do Instagram hackeada e usada pelos criminosos para aplicar golpes com vendas de produtos fictícios. Juliana conseguiu recuperar a conta, mas fez um alerta para o caso, pois os criminosos aperfeiçoaram o golpe e conseguiram hackear outras contas através de mensagens enviadas para amigos e seguidores.

De posse da conta da vítima, os criminosos enviam mensagens para os amigos usando o próprio Instagram hackeado e se passando pelo dono da conta. A venda geralmente são de produtos eletroeletrônicos, móveis, celulares, dentre outros. Os preços convidativos são atrativos para muitos que acabam fazendo os depósitos nas contas dos golpistas.

Além de oferecer os produtos usando a conta hackeada, os criminosos agora mandam uma mensagem via SMS relatando que se trata de um curso online e que os amigos precisam copiar a mensagem e enviar para o direct, ao efetuar isso, a conta também é hackeada e se inicia mais um transtorno. Então, se alguém lhe enviar mensagens parecidas com essa, não acesse e nem responda.

Os golpes desse tipo estão cada vez mais frequentes e nem todas as pessoas conseguem reaver a conta. Os transtornos são incalculáveis diante do Instagram, Facebook e as demais redes sociais serem também ferramentas de trabalho para muitas pessoas.

Já curtiu? Siga o PORTAL REPERCUTEPB no FacebookTwitter e no Instagram

Acompanhe o nosso Grupo NOTÍCIAS DO REPERCUTEPB no  TELEGRAM  ou WHATSAPP

(Veja as regras no grupo)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias