Quarta, 19 de Janeiro de 2022
30°

Poucas nuvens

Cabedelo - PB

Saúde COCEIRA MISTERIOSA

Paraíba analisa sete casos suspeitos de coceira misteriosa

A doença que ainda é misteriosa tem provocado lesões na pele que provocam coceira e áreas avermelhadas e a causa ainda é desconhecida.

29/11/2021 às 12h44 Atualizada em 29/11/2021 às 13h47
Por: Redação RepercutePB
Compartilhe:
Paraíba analisa sete casos suspeitos de coceira misteriosa

Um surto misterioso de coceira e que provoca lesões na pele está preocupando profissionais de saúde em Recife e Olinda, em Pernambuco e até o momento, quase 200 casos já foram registrados.

A doença que ainda é misteriosa tem provocado lesões na pele que provocam coceira e áreas avermelhadas e a causa ainda é desconhecida.

A Secretaria de Estado da Saúde emitiu uma nota na semana passada direcionada aos profissionais de saúde para que notificassem casos suspeitos de lesões e coceiras na pele por conta do surto registrado no Grande Recife, em Pernambuco.

Segundo o Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Medeiros, sete casos parecidos com a doença estão sendo analisados para saber se há semelhanças com o mesmo surto que ocorre no estado pernambucano.

As secretarias do Grande Recife têm várias linhas de investigação do que seriam as lesões e coceiras na pele e uma das hipóteses é de que seja escabiose (sarna humana) resistente à Ivermectina – que é utilizado para o tratamento da doença. A suspeita é de que o abuso desse medicamento, que fez parte de um ‘kit Covid’, pode ter causado esse problema.

Já curtiu? Siga o PORTAL REPERCUTEPB no FacebookTwitter e no Instagram

Acompanhe o nosso Grupo NOTÍCIAS DO REPERCUTEPB no  TELEGRAM  ou WHATSAPP

(Veja as regras no grupo

 

Porém, a relação da doença com o medicamento ainda está sendo investigada.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias